Explodem Apreenssões de Drogras pela Polícia Rodoviária Federal


Em matéria publicada pelo jornalista Giampaolo Morgado Braga, em sua coluna no portal da Revista Época, o colunista destacou os altos números de apreensões de drogas realizado pela PRF nos últimos anos. Para ilustrar melhor sua coluna, Giampaolo solicitou via Lei de Acesso à Informação dados de apreensões da PRF.

De acordo com os dados colhidos pelo colunista da Época, a PRF apreendeu, de janeiro de 2019 a agosto de 2020, nada menos que:

??44.118 quilos de Cocaína
??2,5 toneladas de de crack
??584 quilos de haxixe
??7,1 toneladas de skunk
??816 toneladas de maconha
??136 mil unidades de anfetaminas
??61 mil comprimidos de ecstasy
??MAIS DE 1 milhão de pés de maconha

Para se ter uma ideia do prejuízo que o crime organizado levou com todas essas apreensões realizadas em um ano e meio, podemos citar valores aproximados. Foram mais de 440 milhões de reais apreendidos somente em cocaína. Os 1.133.856 pés de maconha equivalem a 27 campos de futebol que estariam produzindo droga para abastecer o crime em território brasileiro.

Os dados reforçam a eficiência do trabalho realizado pela PRF nas rodovias federais, mesmo com baixo efetivo. E destaca-se também, a importância de investimento na Polícia Rodoviária Federal, seja em equipamentos ou concursos públicos.

Notícias

Arquivos (Institucional)